Capitu

“O ciúme forma com a inveja um par de emoções. São primos-irmãos, que caminham juntos no funcionamento e no desenvolvimento da personalidade. O ciúme normal é o guardião do amor, que nos avisa quando esse tesouro está sendo cobiçado. A inveja é o desejo de possuir o que é do outro. Se um objeto é de alguém e você o quer, precisa assumir a posição de ter um desejo transgressor. E, conseqüentemente, acaba por ficar numa posição conflitiva, desafiadora, de coragem, destemor, de ousar conquistar aquilo que é do outro.”

Poste um Comentário

Seu email não será publicado ou compartilhado. Campos Obrigatórios *

*
*