Miro Dottori

Todo dia vem me ver passa sempre sadia/ Sem querer me intrometer, passa vazia/ Sua mãe já me dizia para eu não me preoculpar/ E sei que ninguém vai notar… euforia/ Mas com todo amor, um blo dia revelará/ E sem querer lhe perguntar…, o que é?/ Ah Amor é… Ah amor é… ah amor é… amor é… A.NO.RE.XI.A

Rubem Fonseca

A COLEIRA DO CÃO - A coleira do cão, segundo livro de Rubem Fonseca publicado em 1965, é em certa medida um diálogo com seu livro de estreia, Os prisioneiros, ressaltando em seus contos a condição do homem como prisioneiro de si mesmo. As oito histórias desse volume são consideradas pela crítica o segundo degrau na construção de uma das obras literárias mais complexas e ricas de nosso tempo, que põe cada leitor diante de sua própria imagem em meio à beleza e à violência do mundo.

Gustavo Bernardo

PEDRO PEDRA - Um mosaico de sensações e sentimentos de um adolescente na difícil transição para a fase adulta – é o que oferece o professor de literatura, crítico e ensaísta Gustavo Bernardo, com uma linguagem simples, cheia de lirismo e de jogos poéticos, no premiado romance juvenil Pedro Pedra, que ganha agora nova edição pela Rocco Jovens Leitores. Nesta ficção original sobre as dúvidas, desejos reprimidos e sonhos da adolescência – que recebeu, em 1983, o selo de “Altamente Recomendável para Jovens” da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ).

Clipe Manacá – Diabo

Eu sei que a vida não foi feita para ser/ Olhada aos olhos totalmente nus por isso não tire o véu/ E enquanto ela caminha sobre o teu olhar/ O sol aquece todo o seu andar e ela se esquece do céu/ Ela veste branco quando é sexta-feira/ Com os pés descalços e os cabelos soltos/ Ela veste branco quando é sexta-feira/ E quando eu lhe olho, eles me lembram o fogo


Max Mallmann

O CENTÉSIMO EM ROMA - Estamos no século I depois de Cristo. Olhar desgarrado, sorriso inoportuno e um indefinível algo mais que dá medo: esse é o centurião Desiderius Dolens. Ele jurou defender o imperador, só não sabe qual imperador. Ele deseja um lugar no Império, mas o Império está à beira do caos. Ele é um legionário veterano. É o Carniceiro de Bonna. E tenta sobreviver na Cidade Eterna, onde nada é para sempre. Todos os caminhos levam a Roma. Nenhum tem volta.

Su Tong

A MULHER QUE CHORA - Nascida na aldeia do Pêssego, onde é proibido chorar, a jovem Binu percorre centenas de quilômetros para levar roupas de frio ao marido Qiliang, recrutado para trabalhar na construção da muralha. Os perigos e as surpresas com que a protagonista se depara no caminho retratam com crueza as maldades e as injustiças humanas. Uma saga que pode ser lida como uma fábula sobre o poder do amor contra a iniquidade.

Cena 1

vamos ter que dizer adeus/ não se desespere venha a mim/ que o dia já chegou// ampulheta já virou e o tempo já passou/ e o que ficou pra trás/ eu já não me importo mais/ eu agora quero é paz/ que o inverno já chegou// e eu sei que vai doer/ eu não quero chorar/ eu não quero lembrar/ eu não quero ouvir você dizer/ eu não quero ir/ eu não quero ouvir/ eu não quero não// e eu sei que vai doer…

Angélica Lopes

CORAÇÃO DE BICHO - Angélica Lopes apresenta dez fábulas que se desenrolam como uma sitcom do mundo animal. Malandros, vaidosos, enamorados ou solitários, os bichos deste livro mostram o outro lado da vida. Como é, afinal, o cotidiano visto de dentro do aquário? Qual o impacto no mundo dos ácaros da chegada de mais um brinquedo de pelúcia? Como é a expectativa do mosquito nos instantes anteriores à picada? Será que um coelhinho, do alto de sua irresistível felpudez, pode virar um assassino em potencial?

Revista de Domingo

Ilustrações e colagens desenvolvidas por Carol Santos e Christiano Menezes para ilustrar a matéria de capa da Revista O Globo nº 287. Tema: O comércio online brasileiro entra na chamada terceira onda de consumo virtual, típica de mercados mais maduros como os Estados Unidos.

Manacá – site

Oh, menina, o teu peito inflamado/ Teus olhos turvos de nuvens/E nos ombros a pesar um negro xale/ Tecido a fios de chumbo/Acenda a vela e erga/O teu pandeiro ao sol/ Que ele já vai voltar/A mesma nau que trouxe/Essa notícia deixe/ O teu penar levar/Deixe que vá…Nas carroças, nas naus/E nas embarcações/Deixe que vão levar/ Se fincaste tua cruz em outras terras/Em areias bem distantes/ Tu fincaste em meu peito longa espera/À beira-mar neste porto

Canções do Rio

É o Rio na música, a música do Rio, a sonoridade da alma carioca em alguns dos vários gêneros da música popular brasileira. Organizado por Marcelo Moutinho os textos de João Máximo, Nei Lopes, Sérgio Cabral, Ruy Castro, Hugo Sukman e Silvio Essinger

Rubem Fonseca

AGOSTO - Lacerda se despediu do major e caminhou com o filho para a porta da garagem do edifício. Vaz foi em direção ao carro. Alcino atravessou a rua e atirou em Lacerda, que correu para o interior da garagem. O estrondo do revólver ao disparar surpreendeu Alcino, que por instantes ficou sem saber o que fazer. Notou então que o major se aproximara e agarrava sua arma. Novamente Alcino acionou o gatilho.

Rio Botequim 2010

ÍCONE DA BOEMIA CARIOCA – “Que atire a primeira pedra aquele que não tem um botequim de coração. Muito provavelmente, até os não adeptos de um bom agito são capazes de arriscar um palpite para indicar um estabelecimento simpático, ideal para reunir amigos. Que dirá os apreciadores dos petiscos e do chope. Botequim no Rio de Janeiro é sinônimo de instituição sólida, tal qual o samba ou o futebol. Desperta paixões, provoca discussões inflamadas, impossível não incluí-lo no retrato e no testemunho diário da cidade.” GUILHERME STUDART

retina78_dois

A descoberta do mundo começa com um susto: a primeira vez em que abrimos os olhos.
Eles são nossa primeira boca – através deles nos alimentamos de imagem. É pelos olhos que ingerimos e digerimos o outro: “o apetite do olho”. Os olhos chegam primeiro. Ocasionalmente envelhecem, mas serão sempre os mesmos, a nos carregar pela vida.

Kim Newman

ANNO DRACULA - Uma das histórias mais conhecidas e revisitadas da literatura e do cinema, a saga de Conde Drácula ganha uma nova e espantosa versão em Anno Dracula. Kim Newman reinventa o mito do vampiro subvertendo a trama num ponto crucial. Escrito com refinamento, crueldade, humor e muito sangue.

retina78_um

Retina é uma parte do olho responsável pela formação de imagens, ou seja, pelo sentido da visão. É como uma tela onde se projetam as imagens: retém as imagens e as traduz para o cérebro através de impulsos elétricos enviados pelo nervo óptico.